Finalistas do Prêmio SP de Literatura participam de encontros com leitores

O Prêmio São Paulo de Literatura, promovido pelo Governo do Estado de São Paulo, divulgou nos primeiros dias de agosto de 2016 os 20 finalistas de sua nona edição. São 10 obras concorrendo ao prêmio de R$ 200 mil, na categoria Melhor Livro de Romance do Ano; três disputarão R$ 100 mil, na categoria Melhor Livro de Romance do Ano – Autor Estreante com mais de 40 anos, categoria na qual concorre Longe das Aldeias; e sete estão concorrendo a R$ 100 mil, na categoria Melhor Livro de Romance do Ano – Autor Estreante com menos de 40 anos. Todos os livros foram publicados pela primeira vez em 2015, com primeira edição em língua portuguesa.

Com valor total de R$ 400 mil em gratificação, o Prêmio São Paulo de Literatura é o maior do País em valor individual e tem como principais objetivos incentivar a produção literária de qualidade, apoiar e valorizar novos autores e editoras independentes, além de incentivar a leitura, por meio da promoção de bate-papos dos finalistas com o público.

Além disso, todos os livros finalistas ficam à disposição para empréstimo na Biblioteca de São Paulo, localizada no Parque da Juventude, e na Biblioteca Parque Villa-Lobos. O Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (SisEB ), gerido pela Secretaria da Cultura do Estado, estimula as bibliotecas municipais e comunitárias integrantes do sistema em todo o estado, a ter os livros em seus acervos e divulgá-los à comunidade.

Os vencedores serão revelados em cerimônia que acontecerá em São Paulo no dia 10 de outubro de 2016.


Texto originalmente publicado na Folha de S. Paulo.

One Reply to “Finalistas do Prêmio SP de Literatura participam de encontros com leitores”

  1. […] Longe das Aldeias foi finalista do Prêmio São Paulo de Literatura, em 2016, e do Prêmio Açorianos do mesmo ano, tendo sido escolhido como melhor Romance do Prêmio AGES – Associação Gaúcha de Escritores. […]

Deixe um comentário